O H3N2 é mais frequente de ser identificado em crianças e em idosos, além de também poder infectar mais facilmente mulheres grávidas


Foto: Andrea Piacquadio/ Pexels


O vírus H3N2 é um dos subtipos do vírus Influenza A, também conhecido como vírus do tipo A, que é um dos principais responsáveis pela gripe comum, conhecida como gripe A, e pelos resfriados, uma vez que é muito fácil de ser transmitido entre pessoas por meio das gotículas liberadas no ar quando a pessoa gripada tosse ou espirra.


Assim como o subtipo H1N1 da Influenza, o vírus H3N2 provoca os típicos sintomas de gripe, como febre, dor de cabeça e congestão nasal, sendo importante que a pessoa repouse e beba bastante líquidos para auxiliar na eliminação do vírus do organismo. Além disso, pode ser recomendado o uso de remédios que ajudam a combater os sintomas, como o Paracetamol e Ibuprofeno, por exemplo.


Os Principais sintomas


Os sintomas de infecção pelo vírus H3N2 são os mesmos da infecção pela infecção pelo vírus H1N1, sendo eles:


Dor no corpo;

Febre alta, acima dos 38ºC;

Dor de cabela;

Dor de garganta;

Espirros;

Tosse,

Coriza;

Moleza.

Calafrios;

Cansaço excessivo;

Náuseas e vômitos;

Diarreia, que é mais frequente de acontecer em crianças;



O H3N2 é mais frequente de ser identificado em crianças e em idosos, além de também poder infectar mais facilmente mulheres grávidas ou que tiveram o bebê em pouco tempo, pessoas que possuem o sistema imunológico comprometido ou portadores de doenças crônicas.


Como acontece a transmissão


A transmissão do vírus H3N2 é fácil e acontece por meio do ar através de gotículas que ficam suspensas no ar quando a pessoa gripada tosse, fala ou espirra, além de também poder acontecer por meio do contato direto com pessoas infectadas.


A recomendação é a de que seja evitado permanecer muito tempo em ambiente fechado com muitas pessoas, evitar levar as mãos aos olhos e à boca antes de lavá-la e evitar ficar muito tempo próximo de uma pessoa gripada. Dessa forma, é possível evitar a transmissão do vírus.


Também é possível evitar a transmissão desse vírus por meio da vacina que é disponibilizada anualmente durante campanhas do governo e que protege contra os vírus H1N1, H3N2 e Influenza B. O indicado é que a vacina seja tomada todos os anos, principalmente por crianças e idosos, já que essa infecção é mais comum nesse grupo. A dose anual é recomendada porque os vírus podem sofrer pequenas mutações ao longo do ano, se tornando resistentes às vacinas anteriores.


Os vírus H2N3 e H3N2 são iguais?


Apesar de ambos serem subtipos do vírus Influenza A, os vírus H2N3 e H3N2 não são iguais, principalmente relacionado à população acometida. Enquanto que o vírus H3N2 está restrita às pessoas, o vírus H2N3 está restrita aos animais, não tendo sido relatado casos de infecção por esse vírus em pessoas.


Tratamento


O tratamento funciona da mesma forma que é tratado outros tipos de gripe, sendo recomendado repouso, ingestão de bastante líquidos e alimentação leve para favorecer a eliminação mais rápida do vírus. 


Além disso, pode ser recomendado pelo médico o uso de remédios antivirais para diminuir a taxa de multiplicação do vírus e o risco de transmissão, além de remédios para aliviar os sintomas, como Ibuprofeno ou Paracetamol.